Limpar fila de emails (SPAM) cPanel via CLI

Em algum momento aquele usuário dono de um script “infeliz” vai encher sua fila de e-mails com mensagens classificadas como SPAM. Sim, será terrível se seu servidor for classificado como SPAMMER.

 

O que fazer pra limpar essa fila de e-mails (SPAM) sem remover as mensagens autênticas?

Existem muitas opções, dentre elas podemos citar:

  1. Você pode utilizar esse plugin (o mesmo do meu printi logo acima) e mandar deletar todas elas… Hummm, 330337 mensagens para serem analisadas. Se prepare, você vai perder o dia todo com isso.
  2. Você pode ser um pouco bruto, vai lá no terminal via SSH com poderes de root e remova o conteúdo do diretório /var/spoo/exim/input … Se prepare para reclamações, você acaba de remover e-mails autênticos que foram enfileirados para entrega ao destinatário remoto.
  3. Você pode pensar um pouco e usar os passos abaixo para realizar o trabalho pesado:

 

Primeiro identifique o domínio que está disparando os e-mails. Como fazer isso?

Acesse seu servidor remoto via SSH e execute os comandos abaixo (com poderes de super root)

#  exim -bp | exiqsumm | egrep -v "\-\-|Volume|^$" | sort -bg | awk '{print "Quantidade: " $1 " \t Dominio: " $5}'

Agora, que você já sabe qual o domínio que está sujando a reputação de seu servidor, execute os comandos abaixo:

# mkdir -p spam email; cd spam
# grep -ri "dominioruim.com" /var/spool/exim/input/ | cut -d":" -f 1 >> teste.log
# sort teste.log >> teste2.log
# cat teste2.log |uniq >> uniq.log
# for i in $(cat uniq.log); do mv $i email ; done

 

Certo, o que esses comandos fazem?

  1. Cria um diretório para armazenar os arquivos de emails disparados;
  2. Faz a busca dos e-mails que você deseja remover;
  3. Ordena o arquivo com a lista de arquivos a serem removidos (alguns estão repetidos aqui);
  4. Remove os arquivos repetidos da lista e faz uma nova lista com os arquivos únicos;
  5. Agora sim, move todos os arquivos que você deseja da fila de e-mails para dentro de seu diretório criado no primeiro passo.

 

Pronto, só isso!!!

Eu sei, eu sei, poderia ter simplificado quase tudo em uma única linha de comandos, porém isso não seria muito didático para o propósito deste post;

Tem alguma dúvida? Deixe seu comentário e vou me esforçar pra te ajudar.

 

 

 

 

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × 2 =