O que é o cPanel DNS ONLY e qual sua finalidade?

Logo da cPanelSe você é daqueles que só pensa em aumentar o número de visitas de seus sites, aprimorar suas técnicas SEO e obter maior visibilidade e disponibilidade para suas páginas, saiba que este artigo será muito útil para você e para provedores de hospedagem que utilizam cPanel como painel de controle e desejam ter um diferencial a mais em seus serviços.

A história toda começa quando você percebe que por algum motivo desconhecido ou sem lógica, seus sites começam a perder visitação, ficam posicionados de forma insatisfatória nos mecanismos de buscas e consequentemente, registra-se um prejuízo por causa disso tudo. O que poucos sabem (ou ignoram) é que para se ter uma intenção de alcançar bons posicionamentos em sites de pesquisa como o Google, ou ainda para aumentar o número de visitantes através de técnicas SEO, é preciso ter seu site hospedado em um provedor que promova algumas adequações, e neste post vamos dar ênfase à RFC2182.

Não adianta nada ter sua página em sites de compartilhamento de links, alcançar muitas referências, ter um planejamento de SEO se na hora H seu site não estiver disponível, mesmo quando você pensa que ele está. Acontece que quando seu site está hospedado em servidores onde o servidor de DNS está na mesma máquina, ou seja, todos os serviços rodam dentro do mesmo servidor, ocorrem diversas falhas que fazem com que diversos internautas (e motores de busca que indexam suas páginas)  não localizem seu site, tendo-o como inexistente e não como, indisponível (se este fosse o caso).

De acordo com a RFC2182, posso transcrever o seguinte:

Leia a RFC para obter todo conteúdo técnico a respeito do porque você nunca deve ter dois servidores de nomes no mesmo servidor. Se você não entender as implicações técnicas e as razões da investigação, sugerimos ler mais. Se você não está preocupado com a potencial perda de e-mail, redução de seu posicionamento no ranking dos motores de busca, ou perda de visitas devido à domínios hospedados sendo relatados como inexistente, em vez de simplesmente temporariamente inacessível (para citar apenas alguns exemplos), durante um tempo de inatividade prolongada, simplesmente ignorar o fato de não ter um servidor DNS secundário externo.

O correto então é possuir dois servidores DNS, geográficamente separados (ou pelo menos em classe de IPs diferentes em máquinas diferentes) para abrigar todas as zonas dns de servidores cpanel, sejam revendas ou não. Um servidor externo já resolve muitos problemas, ou seja, mantenho o servidor DNS padrão de seu embiente e um externo.

Logo podemos compreender que, se você não está seguindo esta recomendação, está colocando em risco os acessos aos sites de seus usuários.

É fácil resolver esta questão, implementando num VPS Linux (servidor dedicado virtual) o cPanel DNS ONLY e realizando os ajustes de interligação desta função. A SIERTI oferece um pacote de 2 (um no Brasil e outro nos EUA) servidores dedicados virtuais gerenciados com o cPanel DNS ONLY instalado e configurado junto ao seu servidor (ou servidores) com cPanel. Fale conosco para obter um orçamento e ter uma atitude técnica que favorecerá seus negócios.



Formas de Pagamento

Tecnologias

Visa MasterCard Diner's Club American Express Banrisul Banco do Brasil Bradesco Banco Real Banco Itaú Boleto Bancário